Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Hoquista em greve de fome por salários em atraso em clube de Ponte de Lima

Lusa

  • 333

Ponte de Lima, 16 jul (Lusa) -- Ricardo Cunha, guarda-redes de hóquei em patins da Associação Desportiva "Os Limianos", despromovida da I divisão nacional, está em greve de fome à porta da sede do clube desde segunda-feira, reclamando salários em atraso.

O protesto de Ricardo Cunha começou às 18:00 de segunda-feira e o atleta, que na última época foi capitão de equipa do clube de Ponte de Lima, garante que a greve de fome é para continuar até receber os dois meses e meio de pagamentos em atraso.

"Sinto-me humilhado. Andei a pagar para jogar e treinar nos últimos meses e nem uma resposta me dão, a não ser andar sempre a adiar e a empatar. A mim e aos meus colegas, porque não sou só eu nesta situação", disse hoje à agência Lusa o ex-guarda-redes da equipa sénior da Associação Desportiva "Os Limianos", que terminou a última época no penúltimo lugar do campeonato.