Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Homem acusado de enviar carta envenenada para Obama foi libertado

Lusa

  • 333

Washington, 24 abr (Lusa) -- Um homem acusado do envio de uma carta envenenada para a Casa Branca foi libertado na terça-feira, no mesmo dia em que uma outra missiva foi dirigida a uma base aérea, que se provou inofensiva.

Paul Kevin Curtis, de 45 anos, foi detido pela polícia federal (FBI) na sua casa, em Corinto, no Estado do Mississippi, na última semana e acusado de ameaçar a vida do Presidente.

O seu advogado insistiu na terça-feira que o FBI deteve a pessoa errada, acrescentando que não encontraram nada na casa de Curtis nem no seu computador que o pudesse ligar às cartas.