Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Hillary Clinton assumiu a responsabilidade pelo atentado na Líbia que matou embaixador norte-americano

Lusa

  • 333

Washington, 16 out (Lusa) - A Secretária de Estado dos Estados Unidos, Hillary Clinton, assumiu na segunda-feira a responsabilidade pelo ataque do passado 11 de setembro ao consulado norte-americano em Benghazi (Líbia), que causou a morte do embaixador Chris Stevens.

"Eu assumo a responsabilidade", afirmou Hillary Clinton numa entrevista à cadeia CNN, em Lima, capital do Peru, onde se encontra de visita, segundo um excerto disponível na página de internet.

Questionada sobre que figura do Governo norte-americano recai o peso do atentado em Bengazhi, que matou o embaixador norte-americano, Chris Stevens, e a outros três norte-americanos, Clinton sublinhou que ela dirige o Departamento de Estado e que está encarregue de controlar a segurança nas embaixadas em todo o mundo.