Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Guimarães2012: Fundação ainda só recebeu 6,5 ME dos fundos comunitários - João Serra

Lusa

  • 333

Guimarães, 16 dez (Lusa) - O presidente da Fundação Cidade de Guimarães admitiu hoje ter os próprios salários em atraso e disse que a instituição "ainda só" recebeu 6,5 dos 21 milhões de euros dos fundos comunitários destinados ao evento, que encerra no domingo.

Em entrevista à agência Lusa, João Serra revelou também que a Oficina, estrutura responsável pelo grosso da programação cultural da Capital Europeia da Cultura, recebeu, de facto, até ao momento, 2,5 milhões dos 11,4 milhões de euros de fundos comunitários que lhe foram consignados pelo orçamento de Guimarães 2012.

O responsável reconheceu ainda que o resvalar dos prazos nas transferências de verbas pela Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDR-N) originou "momentos menos bons", como a recalendarização do programa associativo Tempos Cruzados, e acusações por parte de artistas a propósito da falta de pagamento de honorários.