Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Guarda Civil espanhola deteve 34 suspeitos de organização que clonava cartões bancários

Lusa

  • 333

Sevilha, Espanha, 19 dez (Lusa) -- A Guarda Civil espanhola deteve 34 pessoas, 33 das quais na Andaluzia e uma em Barcelona, suspeitas de integrarem uma organização criminosa internacional que é acusada de numerosos delitos de roubo e clonagem de cartões bancários.

A organização é acusada de exercer uma atividade conhecida como "skiming", que inclui o roubo e cópia em qualquer lugar da informação contida nas bandas magnéticas de cartões bancários, seja em caixas automáticas, estabelecimentos comerciais ou na Internet, segundo informou a Guarda Civil num comunicado.

Além das 34 pessoas em Espanha, foram detidas uma na Roménia e um dos principais cabecilhas da organização em Istambul. Este último foi detido através de uma comissão rogatória internacional porque estava na prisão por outros delitos.