Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

GSK é "desonesto" e aumentou os preços dos medicamentos na China -- jornal chinês

Lusa

  • 333

Xangai, 17 jul (Lusa) -- O grupo GlaxoSmithKline (GSK), que está a ser investigado por corrupção na China, foi hoje qualificado de "desleal e desonesto" pelo jornal China Daily, que num editorial acusa a empresa farmacêutica britânica de ter inflacionado os preços dos medicamentos.

As autoridades chinesas referem que o pessoal da GSK subornou funcionários do governo chinês, grupos e indústrias farmacêuticas, e hospitais e médicos para promover as vendas de medicamentos da empresa britânica na China, escreve a AFP.

Um editorial publicado hoje no jornal chinês indica que a empresa passou o custo de centenas de milhões de dólares em subornos diretamente para os consumidores.