Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Greves são "trágicas para Portugal" porque dificultam a recuperação do país -- Nuno Melo

Lusa

  • 333

Marco de Canaveses, 23 dez (Lusa) - O vice-presidente do CDS e eurodeputado, Nuno Melo, considerou "trágicas para Portugal" as greves que têm afetado várias empresas nos últimos meses, porque, disse, "dificultam a capacidade de recuperação do país".

"Essas greves são trágicas para Portugal e são apontadas exteriormente como um dos fatores que mais incertezas trazem", afirmou no sábado à noite, no Marco de Canaveses.

Em declarações à agência Lusa, à margem da tomada de posse de Avelino Ferreira Torres como líder local do CDS, o eurodeputado afirmou: "O país não se anima, nem consegue alguma diferença com greves gerais, com greves em setores produtivos, em setores essenciais, com greves em dias que atiram direto ao coração produtivo das empresas afetadas, com greves nos portos que atingem as nossas exportações em milhões".