Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Greve ao trabalho extraordinário na SATA pode penalizar transporte aéreo nos Açores - empresa

Lusa

  • 333

Ponta Delgada, 15 nov (Lusa) -- A transportadora aérea açoriana SATA admite reduzir a operação nos feriados de 01 e 08 de dezembro aos serviços mínimos, em caso de adesão elevada à greve ao trabalho extraordinário hoje iniciada pelos trabalhadores de terra da companhia.

José Gamboa, porta-voz da SATA, disse à agência Lusa que a greve, convocada pelo Sindicato dos Trabalhadores de Aviação e Aeroportos (SITAVA) e que se vai prolongar até 21 de dezembro, pode também penalizar a "capacidade de resposta em situações extraordinárias".

"Dependendo da adesão que vier a registar, a paralisação pode condicionar, por exemplo, a realização de voos extraordinários para repor ligações prejudicadas pelo mau tempo", explicou.