Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Grécia: Governo quer travar despedimentos e prolongar por dois anos programa de ajustamento

Lusa

  • 333

Atenas, 23 jun (Lusa) -- O novo Governo de coligação grego pretende travar os despedimentos e prolongar por dois anos o período de aplicação do programa de ajustamento no âmbito do acordado de ajuda externa, segundo um documento difundido hoje pelo Governo.

A informação do Governo grego dirigido pelo conservador, Antonis Samaras, promete "rever" o plano de austeridade imposto aos helénicos pela União Europeia, Fundo Monetário Internacional e Banco Central Europeu, através do "prolongamento do período de ajustamento orçamental, no mínimo, por mais dois anos", ou seja, até 2016.

O objetivo é, de acordo com o documento citado pelas agências internacionais, o de atingir as metas fiscais "sem novas reduções de salários, pensões de reforma e investimento público".