Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Grécia garante dois anos suplementares para aplicação do memorando com a 'troika' -- ministro das Finanças

Lusa

  • 333

Atenas, 24 out (Lusa) - O ministro das Finanças grego, Yannis Stournaras, garantiu hoje que a Grécia obteve mais dois anos suplementares para o cumprimento do memorando de entendimento negociado com a 'troika' de credores internacionais.

Desde julho que o Governo de coligação grego tenta chegar a acordo com os credores internacionais (Comissão Europeia, Banco Central Europeu e Fundo Monetário Internacional) sobre a aplicação de novos cortes orçamentais de 13,5 mil milhões de euros para os próximos dois anos, e que implica a adoção de renovadas medidas de austeridade.

O atual programa de resgate, que inclui dois avultados empréstimos que ultrapassam os 230 mil milhões de euros e implica a adoção de amplo programa de reformas, deveria ficar concluído no final de 2014. A Grécia já tinha solicitado a extensão do programa até 2016.