Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

GP Macau: André Couto cumpre objetivo, mas lamentou o motor fraco do Seat para tentar fazer melhor que o 11.º lugar

Lusa

  • 333

Macau, China, 18 nov (Lusa) - O piloto português André Couto cumpriu hoje o objetivo de terminar a corrida de WTCC integrada no Grande Prémio de Macau, mas lamentou a falta de potência do Seat para poder tentar fazer um pouco melhor que o 11.º lugar.

"O objetivo foi cumprido, mas pessoalmente não me diverti, estive só a andar para acabar, mas não me diverti, o carro não estava no seu melhor nível, e estava condenado a fazer o que fiz hoje", disse André Couto ao explicar que não houve possibilidade de mudar o motor do Seat Leon porque os que vieram de Xangai e do Japão estavam partidos.

"Tivemos que nos aguentar com este e ao longo do fim de semana foi sempre perdendo potência, especialmente à saída das curvas não respondia e, por isso, era praticamente impossível fazer melhor", acrescentou André Couto.