Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Governo/2 anos: Portugueses não têm motivos para duvidar da segurança dos depósitos bancários

Lusa

  • 333

Lisboa, 05 jun (Lusa) -- Os portugueses não têm razões para estarem preocupados com o dinheiro que têm no banco, segundo os economistas ouvidos pela Lusa, apesar de reconhecerem que há cada vez mais depositantes a aplicarem dinheiro noutros instrumentos financeiros para diversificarem o risco.

"Em Portugal não há por agora perigo, nem as pessoas devem entrar em pânico", disse à Lusa o presidente da corretora Dif Broker, Pedro Lino, quando questionado sobre se há motivos para os depositantes terem receio de um confisco do dinheiro que está no banco.

O facto de os bancos terem hoje mais capital para fazerem face a imprevistos e os seis mil milhões de euros que o Estado português ainda pode injetar nas instituições caso as dificuldades se agravem são os motivos apontados por Pedro Lino para sustentar a segurança dos depósitos.