Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Governo tailandês recomenda uso de coletes antibala a professores do sul devido à violência

Lusa

  • 333

Banguecoque, 19 dez (Lusa) - O ministério da Educação da Tailândia vai propor que sejam disponibilizados coletes antibala para professores que lecionam em escolas no sul do país face ao aumento dos atentados perpetrados pelo movimento separatista islâmico, noticia hoje a imprensa local.

O anúncio do vice-ministro da Educação, Sermsak Pongpanit, ocorreu depois dias depois do último ataque dos rebeldes muçulmanos, que alegadamente mataram dois funcionários e feriram outros cinco, incluindo um docente na província de Narathiwat.

Sermsak sublinhou que os coletes podem salvar vidas, face ao aumento dos ataques contra docentes e escolas, escreve o diário Bangkok Post, citado pela agência Efe.