Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Governo rejeita ir "mais longe" nas alterações do mercado e legislação laborais

Lusa

  • 333

Matosinhos, 31 ago (Lusa) - O ministro da Solidariedade, Emprego e Segurança Social rejeitou hoje a possibilidade do Governo "ir mais longe" nas alterações do mercado e legislação laborais, garantindo que Portugal já cumpriu tudo aquilo que estava acordado com a 'troika' nesta matéria.

Em declarações aos jornalistas à margem da convenção autárquica do CDS-PP, em Matosinhos, Pedro Mota Soares disse ser sabido que a 'troika', "em especial um dos seus membros, gostava que em Portugal se fosse mais longe nas alterações ao mercado de trabalho e à legislação da área do trabalho".

"Ora, a 'troika' sabe o que é que o Governo português pensa sobre esta matéria. Nós já cumprimos todas as alterações que estavam previstas no memorando de entendimento", disse.