Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Governo pode avançar judicialmente contra gestores públicos no caso dos 'swaps'

Lusa

  • 333

Lisboa, 26 abr (Lusa) - O Governo poderá avançar judicialmente contra os gestores das empresas públicas envolvidas nas operações de contratação de 'swaps' de caráter especulativo, mas diz que nesta altura não tem matéria suficiente para isso.

"[Sobre as] eventuais responsabilidades de gestores de empresas públicas que tenham estado envolvidas neste tipo de operações com o tal caráter particularmente especulativo, é evidente que sim, é evidente que o Governo não deixará, uma vez apurados todos os factos, de tirar as devidas ilações e consequências", afirmou o ministro da Presidência do Conselho de Ministros, Luís Marques Guedes, no briefing do Conselho de Ministros.

O governante disse que o Ministério das Finanças ainda não tinha apresentado o resultado da renegociação com os bancos relativa a estas operações de cobertura de risco realizadas pelas empresas e cujo impacto nas contas públicas pode chegar aos 3.000 milhões de euros, e confirmou apenas que a data limite conhecida para o final destas é o dia de hoje.