Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Governo: "O país não precisava disto nesta altura" -- Fernando Ruas

Lusa

  • 333

Viseu, 03 jul (Lusa) - O presidente da Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP), Fernando Ruas, considerou hoje, a propósito da atual crise política, que a pior coisa que pode acontecer ao país "é interromper agora a maratona e começar outra de início".

"Acho que o país não precisava disto agora. A pior coisa que pode acontecer é interrompermos isto agora e começar de novo outra maratona", explicou aos jornalistas, quando questionado sobre a situação política atual, à margem da cerimónia de adesão do município de Viseu ao Instituto Pedro Nunes.

O também presidente da Câmara de Viseu escusou-se a fazer comentários alongados à crise política, depois das demissões dos últimos dias, porque esteve na Suíça a receber o prémio "Best City" e só regressou hoje a Portugal.