Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Governo nega ataque a sistema informático

Lusa

  • 333

Lisboa, 02 abr (Lusa) -- O secretário de Estado da Presidência do Conselho de Ministros negou na segunda-feira que o Governo esteja sob ataque informático, esclarecendo que os comunicados falsos enviados a partir de 'emails' oficiais têm origem na apropriação indevida dos endereços eletrónicos.

Um endereço eletrónico oficial do Secretaria de Estado da Cultura foi usado na segunda-feira para distribuir um comunicado falso a dar conta da alocação de mais verbas para apoios às artes, e um endereço oficial da Administração Regional de Saúde (ARS) do Norte foi utilizado para veicular um comunicado falso a dar conta da contratação de 600 enfermeiros.

À Agência Lusa, o secretário de Estado da Presidência do Conselho de Ministros, Luís Marques Guedes, esclareceu que a situação teve origem no recurso a um 'fake mail', um email falso que permite enviar emails como se estes tivessem origem em endereços válidos. O 'fake mail', adiantou, terá sido enviado a partir de um servidor alojado na República Checa.