Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Governo não impôs redução de pessoal aos bancos recapitalizados - ministro das Finanças

Lusa

  • 333

Lisboa, 15 fev (Lusa) - O ministro das Finanças, Vítor Gaspar, garantiu hoje no Parlamento que o Governo não impôs quaisquer condições aos bancos em termos de redução de trabalhadores no âmbito do processo de recapitalização pública em que injetou dinheiro em quatro bancos.

"Nas operações de recapitalização aprovadas pelo Governo não existe qualquer condição que imponha rescisões ou despedimentos. Essas condições simplesmente não existem", disse hoje o governante na Comissão de Orçamento e Finanças, onde está a ser ouvido a propósito do capital público que o Estado injetou recentemente nos bancos privados BCP, BPI e Banif e ainda na Caixa Geral de Depósitos (CGD), no qual é único acionista.

O deputado do PCP Honório Novo tinha questionado Vítor Gaspar sobre eventuais pressões de Bruxelas para os bancos reduzirem recursos humanos, no âmbito dos planos de reestruturação que estes estão a discutir esta semana com técnicos da Direção Geral da Concorrência Europeia.