Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Governo mexicano mandou abater 55.000 devido a surto de gripe das aves

Lusa

  • 333

México, 09 mai (Lusa) -- O governo mexicano ordenou hoje a morte preventiva de 55.000 aves de um aviário no estado de Puebla, centro do país, depois de confirmar-se um novo surto de gripe das aves naquela unidade, revelou a Secretaria de Agricultura.

A mesma instituição explicou em comunicado que as autoridades nacionais ordenaram a matança das aves com o objetivo de conter o surto naquele local e que toda a ação é preventiva.

Investigações preliminares indicam que a origem da infeção poderá estar relacionada com a introdução de animais mais velhos com origem em estados afetados inicialmente pela gripe das aves.