Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Governo manda investigar confrontos que causaram 54 mortos em prisão venezuelana

Lusa

  • 333

Caracas, 26 jan (Lusa) - O governo venezuelano ordenou a abertura de uma investigação para determinar as causas e responsáveis pelos confrontos de sexta-feira no Centro Penitenciário de Uribana, durante os quais morreram 54 pessoas e mais de 90 ficaram feridas.

"Houve uma situação de confusão trágica que nós lamentamos muito e pedimos à procuradora-geral da República, Luísa Ortega Díaz, que inicie uma investigação ampla e conte com a colaboração dos nossos ministérios e das nossas autoridades", anunciou o vice-presidente da Venezuela, Nicolás Maduro.

O governante acrescentou que entrou em contacto com o presidente da Assembleia Nacional (parlamento), Diosdado Cabello, "para lhe solicitar, como chefe do poder legislativo, que dirija a investigação".