Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Governo garante que Portugal vai continuar a receber bacalhau sem químicos

Lusa

  • 333

Lisboa, 08 jul (Lusa) - A Riberalves, empresa líder no setor do bacalhau, anunciou hoje que discorda da decisão da Comissão Europeia em aprovar a utilização de fosfatos naquele peixe e garantiu que vai manter a aposta no seu fornecimento sem aqueles químicos.

Bruxelas votou a favor de uma proposta que permite a adição de químicos no processo de cura do bacalhau.

"Este procedimento, embora não constitua uma ameaça à saúde pública, é uma ameaça à salga tradicional, feita com os padrões de qualidade e de exigência a que os portugueses se habituaram ao longo da história e que constitui uma marca cultural no nosso país", refere a Riberalves, num comunicado.