Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Governo garante que nenhum membro de gabinete ou funcionário público recebeu subsídios à margem da lei

Lusa

  • 333

Lisboa, 16 nov (Lusa) -- O Governo garantiu hoje que "nenhum elemento de gabinetes de membros do Governo ou trabalhador da Administração Pública" com remuneração base superior a 1100 euros recebeu subsídio de férias relativo a 2012.

Em comunicado emitido pelo gabinete do primeiro-ministro, o executivo esclareceu que "foram processados a 1.323 trabalhadores da Administração Pública direta e indireta ingressados em 2011 os proporcionais de subsídios de férias vencidos nesse ano" (2011), num total de cerca de 591 mil euros.

O comunicado salienta que destes 1.323 trabalhadores, 1.231 são "admissões no âmbito do Ministério da Defesa Nacional e das Forças Armadas", considerando "inadmissível o rótulo de 'boys'" que surge na manchete do Diário de Notícias.