Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Governo: Forestis critica mudanças sucessivas na Secretaria de Estado das Florestas

Lusa

  • 333

Vila Real, 01 fev (Lusa) -- O presidente da Associação Florestal de Portugal -- Forestis, Carvalho Guerra, criticou hoje a mudança sucessiva de secretários de Estado das Florestas, defendendo uma continuidade neste setor, que classificou de "importância crucial" para o país.

No âmbito da remodelação governamental em curso, o secretário de Estado das Florestas e Desenvolvimento Rural, Daniel Campelo, é substituído no cargo por Francisco Lopes Gomes da Silva.

Carvalho Guerra afirmou hoje à agência Lusa que a floresta, setor que representa 3% do Produto Interno Bruto (PIB) e 12% das exportações, "não se compadece com esta mudança sucessiva nos últimos 20 ou 30 anos de secretários de Estado da Floresta".