Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Governo espera arrecadar cerca de 500 milhões de euros com 'perdão' fiscal

Lusa

  • 333

Lisboa, 24 de out (Lusa) - O Governo espera arrecadar até ao final do ano entre 450 e 500 milhões de euros com o 'perdão' de dívidas ao fisco e à Segurança Social, cujo prazo de cobrança terminou a 31 de agosto.

"A previsão do Governo é que a receita a arrecadar com este processo de regularização, cujo prazo termina a 20 de dezembro, para efeitos de dívidas fiscais, ascenda a um valor entre os 450 e 500 milhões de euros", afirmou o secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, Paulo Núncio.

A explicação de Paulo Núncio foi feita na conferência de imprensa do Conselho de Ministros, que hoje aprovou o regime "excecional e temporário" de regularização de dívidas fiscais e à Segurança Social, cujo prazo terminou a 31 de agosto, mas que poderão ser pagas até 20 de dezembro deste ano.