Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Governo aprova benefícios fiscais de 154,6 ME em troca da criação de emprego

Lusa

  • 333

Lisboa, 09 fev (Lusa) - O Conselho de Ministros aprovou hoje dez contratos de investimento que preveem a concessão de benefícios fiscais no total de 154,6 milhões de euros, dependentes da manutenção de 3.502 postos de trabalho e da criação de mais 289.

Os projetos hoje aprovados representam setores de atividade económica "como o vidro, o automóvel, a construção, a metalurgia, o agroalimentar, a farmácia, os plásticos e as componentes elétricas", disse o ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Paulo Portas, no final da reunião.

As empresas beneficiadas situam-se em Leiria, Viseu, Aveiro, Santarém, Setúbal, Porto e Évora, adiantou Paulo Portas, que justificou a aprovação dos contratos com a necessidade de promover investimento como "condição necessária do crescimento" e para a "criação de emprego".