Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Governo admite reduzir número de militares a 30 mil até 2020 -- estudo

Lusa

  • 333

Lisboa, 09 fev (Lusa) -- O Governo tem em discussão uma série de medidas de reforma das Forças Armadas que incluem a redução dos atuais 38 mil efetivos para 30 mil até 2020.

Um documento de trabalho, a que a agência Lusa teve acesso, sugere uma redução de 4.000 efetivos até final de 2015 e prevê medidas de racionalização, entre elas a centralização das compras do Ministério da Defesa e dos ramos e a criação de uma reserva militar operacional.

O dispositivo territorial das Forças Armadas, segundo o documento, deverá também ser reduzido em 30 por cento e esta redução seria conseguida através do congelamento de entradas e da criação de uma reserva operacional.