Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Governo açoriano e empresários veem sem surpresa quebra de receitas na hotelaria regional

Lusa

  • 333

Ponta Delgada, 15 nov (Lusa) - O delegado regional dos Açores da Associação de Hotelaria de Portugal, Humberto Pavão, disse hoje à agência Lusa que a quebra do número de dormidas na hotelaria açoriana "era expectável" e "até poderia ser pior".

"Aquilo que estava previsto com o cancelamento das operações dos escandinavos era que ia haver uma redução muito maior, mas os outros mercados estrangeiros compensaram alguma da quebra", disse Humberto Pavão, num comentário aos dados hoje divulgados pelo Serviço Regional de Estatística.

"Se o mercado português tivesse sido normal até tínhamos tido um aumento durante o ano. No entanto, a partir de maio e até setembro o mercado que mais nos visita quebrou - que é o mercado nacional - e isso já estava previsto com o agravamento da situação económica no país", admitiu o também empresário do setor.