Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Governador do BdP diz ser precisa reflexão profunda sobre gestão do setor público

Lusa

  • 333

Porto, 31 out (Lusa) -- O governador do Banco de Portugal, Carlos Costa, afirmou hoje ser necessária uma reflexão profunda acerca da organização e gestão do setor público, que tenha como objetivo aumentar a eficiência deste.

"Exige-se também uma reflexão profunda sobre o modelo de organização e gestão do setor público, que permita encontrar soluções indutoras de ganhos de eficiência na produção dos bens e serviços públicos, minimizando desta forma os impactos sobre a sociedade da redução dos recursos afetos às principais áreas de despesa", afirmou Carlos Costa, na abertura do ano letivo da Faculdade de Economia da Universidade do Porto.

Carlos Costa exemplificou, não sem antes se desculpar perante qualquer presente do setor hospitalar, com um caso do hipotético gestor de um hospital que tem "quatro ou cinco operadores e um anestesista", quando a relação ótima seria dois anestesistas e quatro operadores, o que levaria à subutilização dos operadores para lá do necessário.