Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Gasolineiras com mais de quatro reservatórios obrigadas a vender "combustíveis low-cost" - Governo

Lusa

  • 333

Lisboa, 19 jun (Lusa) -- O secretário de Estado da Energia entregou hoje no Parlamento o anteprojeto legislativo para o fornecimento de combustíveis "low-cost" nos postos de abastecimento com mais de quatro reservatórios ou que disponham de oito ou mais locais de abastecimento.

Artur Trindade distribuiu pelos deputados, a quem pediu sugestões e propostas de melhoria do documento, o anteprojeto de decreto-lei previsto no Orçamento do Estado para 2013, que antecipava que "as instalações de abastecimento de combustíveis líquidos e gasosos derivados do petróleo, designados por postos de abastecimento de combustíveis, devem assegurar aos consumidores a possibilidade de livre escolha das gamas de combustíveis líquidos mais económicos, nomeadamente os não aditivados", vulgarmente designados como "low cost", de acordo com o texto hoje divulgado,

A proposta do Governo dá a alternativa aos distribuidores de serem excluídos da obrigação de comercialização de gasolina e gasóleo "low cost", se praticarem "regularmente descontos significativos nos preços de venda ao público dos combustíveis comercializados, desde que tais descontos sejam aplicáveis à generalidade dos clientes", de acordo com regras que virão a ser estabelecidas pela Direção-Geral de Energia e Geologia (DGEG).