Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Gabinete de Passos Coelho diz que não forneceu documentos à SIC e à Visão

Lusa

  • 333

Lisboa, 08 ago (Lusa) - O gabinete do primeiro-ministro esclareceu hoje que os documentos sobre "alegados encontros entre membros do anterior Governo e elementos de grupos financeiros" divulgados pela SIC e pela Visão não foram fornecidos pelo atual gabinete.

"Com o intuito de afastar as dúvidas que têm sido levantadas pela comunicação social, o gabinete do primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, vem esclarecer que os documentos sobre alegados encontros entre membros do anterior Gabinete e elementos de grupos financeiros divulgados pela estação de televisão SIC e pela revista Visão não foram fornecidos pelo atual gabinete", lê-se numa nota enviada à comunicação social.

Na quarta-feira, durante o jornal das 20:00, a SIC revelou que o documento que esteve na base da demissão do secretário de Estado do Tesouro, Joaquim Pais Jorge, e que o Ministério das Finanças considerou forjado, teve origem na residência oficial do primeiro-ministro.