Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Futebol: Sevilha - Maduro sofre anomalia cardíaca congénita e submete-se a mais exames

Lusa

  • 333

Sevilha, 29 jul (Lusa) -- O médio holandês do Sevilha Hedwiges Maduro interrompeu a pré-época depois de lhe ter sido "detetado nos últimos dias uma anomalia congénita que afeta o coração", estando a ser submetido a "novos e exaustivos" exames médicos.

Os serviços médicos do clube espanhol divulgaram hoje, em comunicado, que a deteção da anomalia foi um "achado acidental realizado no curso de um exame complementar e que não era possível detetar em exames convencionais".

O internacional holandês, de 27 anos e que assinou este verão com o Sevilha proveniente do Valência, está a realizar "novos e exaustivos exames de diagnóstico para avaliar o alcance desta alteração e as possibilidades terapêuticas".