Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Futebol: Carlos Queiroz não vai a julgamento por alegada difamação a Luís Horta

Lusa

  • 333

Covilhã, 04 jul (Lusa) - O ex-selecionador português de futebol Carlos Queiroz não vai a julgamento por alegada difamação qualificada a Luís Horta, presidente da Autoridade Antidopagem de Portugal (ADoP), comunicou hoje o Tribunal Judicial da Covilhã.

O juiz daquele tribunal nomeado para o debate instrutório do processo entendeu que declarações imputadas por Luís Horta a Carlos Queiroz, durante o estágio da seleção nacional para o Mundial de futebol de 2010, na África do Sul, não configuram a prática de crime de difamação.

"Atento o contexto em que foram proferidas, não cremos que as expressões utilizadas pelo arguido [Carlos Queiroz] tenham aptidão difamatória", refere-se na decisão instrutória, assinada pelo juiz Jorge Gusmão Guedes, a que a agência Lusa teve acesso.