Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Fundo de resgate permanente consegue juros negativos em emissão de dívida de curto prazo

Lusa

  • 333

Lisboa, 08 jan (Lusa) -- O Mecanismo Europeu de Estabilidade realizou hoje a sua primeira emissão de dívida de curto prazo, colocando 1,93 mil milhões de euros a três meses com juros de -0,0324%, ou seja, os investidores vão pagar juros ao fundo.

No leilão de hoje a procura foi de 3,2 vezes a oferta, levando a que a taxa de juro fosse negativa, o que significa que os investidores preferem pagar juros para parquear o seu dinheiro em dívida do MEE.

Numa nota publicada na página na Internet do mecanismo, o administrador financeiro do MEE diz que "o sucesso da emissão inicial de hoje do MEE demonstra que os investidores estão perfeitamente confortáveis com o MEE ter assumido o programa de financiamento de curto prazo do FEEF".