Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Fundações: Câmara do Porto quer manter "Porto Social" para não aumentar despesa pública

Lusa

  • 333

Porto, 26 set (Lusa) -- O presidente da Câmara do Porto, Rui Rio, revelou na terça-feira a intenção de manter a Fundação "Porto Social", cuja extinção foi recomendada pelo Governo, com o objetivo de evitar o "aumento da despesa pública".

"O gabinete jurídico da Câmara está a estudar a lei para defender o interesse público e evitar o aumento da despesa pública, mantendo a fundação Porto Social", afirmou o autarca, durante a reunião camarária de terça-feira.

Para Rui Rio, a recomendação do Governo para extinguir a Fundação para o Desenvolvimento Social do Porto (FDSP) vai traduzir-se, "inevitavelmente, numa grave perda para a cidade e num previsível agravamento dos custos camarários".