Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Função Pública: Pelo menos 18 serviços de Finanças encerraram - sindicato

Lusa

  • 333

Lisboa, 08 nov (Lusa) - Pelo menos 18 serviços de Finanças encerraram hoje por causa da greve na Função Pública contra o agravamento da austeridade, revelou o Sindicato dos Trabalhadores dos Impostos (STI).

A adesão à greve dos funcionários do Fisco obrigou a encerrar seis repartições do distrito de Setúbal (Alcochete, Barreiro, Grândola, Moita, Montijo e Sesimbra), seis de Faro (Aljezur, Faro, Lagoa, Vila Real Santo António, Monchique e Loulé 2), cinco em Beja (Serpa, Aljustrel, Mértola, Alvito e Almodôvar) e ainda o serviço Loures 3.

Os dados são ainda provisórios, e não incluem o distrito de Lisboa, mas permitiram já ao presidente do sindicato, Paulo Ralha, concluir serem reveladores do "grande descontentamento" dos trabalhadores dos impostos sobre as políticas do Governo.