Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

França: Restabelecida reforma aos 60 anos para trabalhadores com 41 anos de descontos

Lusa

  • 333

Paris, 06 jun (Lusa) -- O governo francês decidiu hoje permitir a reforma aos 60 anos, e não aos 62, dos trabalhadores que tenham 41 anos de descontos, anunciou a ministra dos Assuntos Sociais após o conselho de ministros.

A reforma aos 60 vai abranger 110.000 pessoas em 2013, com um custo estimado de 1,1 mil milhões de euros nesse ano e de até três mil milhões em 2017, ano em que termina o mandato do presidente, François Hollande, indicou a ministra Marisol Touraine.

Os trabalhadores abrangidos serão aqueles que começaram a trabalhar aos 18 e 19 anos e tenham descontado sempre para a segurança social.