Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

França enfrenta a maior catástrofe ferroviária dos últimos 25 anos

Lusa

  • 333

Paris, 13 jul (Lusa) - O descarrilamento do comboio ocorrido na sexta-feira, na região francesa de Essonne, foi "a maior catástrofe ferroviária dos últimos 25 anos em França", disse o porta-voz do Ministério do Interior francês, Pierre-Henry Brandet.

O porta-voz disse à agência Lusa que "as operações de salvamento continuam durante a noite" e devem "durar ainda alguns dias" a fim de garantir que já não existem mais vítimas entre os destroços dos vagões do comboio, que foram projetados até alguns quilómetros do local do acidente.

Pierre-Henry Brandet adiantou que "ainda é muito cedo para saber exatamente o que levou ao descarrilamento". Existem três inquéritos abertos para apurar as causas do acidente: um judicial, outro administrativo do Ministério e um terceiro da empresa de transportes ferroviários responsável pela ligação, a SNCF.