Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Força Aérea mobiliza 4.000 operacionais para simular missões de manutenção de paz

Lusa

  • 333

Leiria, 12 fev (Lusa) - A Força Aérea Portuguesa está a mobilizar no país, até 22 de fevereiro, mais de 4.000 operacionais focados sobretudo na simulação de missões de manutenção de paz, contando com o apoio do Exército, Marinha e forças internacionais.

O responsável pelo exercício, o tenente-coronel Carlos Lourenço, disse à agência Lusa que "o cenário que está montado vai desde missões de suporte de paz, como ajuda humanitária" até situações bélicas nas quais são simuladas "algumas forças insurgentes que é preciso debelar".

O exercício, batizado de "Real Thaw 2013" está a ser realizado em vários pontos do norte do país (Seia, Trancoso, Guarda, Celorico da Beira, Pinhel, Meda e Lamego), sendo que a coordenação é feita a partir da Base Aérea N.º5, em Monte Real, Leiria. O "Real Thaw 2013", que conta com a participação militares da Holanda e Estados Unidos da América, bem como meios aéreos do Reino Unido e da NATO (Organização do Tratado do Atlântico Norte), tem como principais objetivos "treinar, qualificar e aprontar as forças participantes para as exigências que estrategicamente se apresentam hoje a Portugal e às Alianças Internacionais de que o país faz parte".