Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

FMI/Cortes: Elogios do Governo são "ofensa aos portugueses", líder do PS

Lusa

  • 333

Ferreira do Alentejo, 10 jan (Lusa) -- O secretário-geral do PS acusou hoje o Governo de ter ofendido os portugueses ao elogiar o relatório do FMI com medidas para reduzir a despesa pública, defendendo uma reforma do Estado, mas não através de "cortes cegos".

"Quando o Governo vem elogiar o relatório do FMI, acho que isso é uma ofensa aos portugueses porque aquilo que o Governo está a fazer é elogiar propostas que vêm destruir a coesão social" no país "e não há uma linha sobre o crescimento económico", criticou António José Seguro.

Segundo o líder do PS, é preciso "reformar o Estado, mas não se pode confundir a reforma do Estado com cortes cegos e cortes da natureza daqueles que são propostos no relatório do FMI".