Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

FMI prevê que recessão espanhola termine em 2014, alerta sobre desafios do setor financeiro

Lusa

  • 333

Madrid, 28 nov (Lusa) - A recessão da economia espanhola durará dois anos e o país só deverá regressar ao crescimento em 2014, com o PIB a aumentar 1%, segundo um relatório do Fundo Monetário Internacional (FMI) publicado hoje.

O relatório de análise da reforma do setor financeiro espanhol é o primeiro publicado pelo FMI no contexto de supervisão do setor em Espanha e de acordo com os novos poderes que lhe outorga o resgate à banca do país.

No texto hoje divulgado - horas depois da Comissão Europeia (CE)confirmar a aprovação dos planos de resgate das quatro entidades financeiras espanholas nacionalizadas - o FMI antecipa que a economia recue 1,5% em 2012 e 1,3% em 2013.