Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

FMI: Consolidação orçamental deve concentrar-se em metas "estruturais" e não nominais

Lusa

  • 333

Washington, 16 jul (Lusa) - A consolidação orçamental na zona euro tem de prosseguir mas, "regra geral", o esforço deve ser no sentido de cumprir "metas orçamentais estruturais" e não metas nominais, defende o Fundo Monetário Internacional (FMI).

Numa atualização ao seu "Outlook", hoje publicada, o Fundo argumenta que a resolução da crise na zona euro é a "mais urgente prioridade" para a economia da zona euro. Um dos passos nesse sentido será "a aplicação dos planos de consolidação orçamental"

No entanto, o FMI considera que o mais importante nos processos de consolidação não devem ser os números pré-determinados.