Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

FMI alerta que receitas das privatizações "até agora foram baixas"

Lusa

  • 333

Lisboa, 26 set (Lusa) - O Fundo Monetário Internacional (FMI) defendeu hoje que as privatizações podem ajudar a baixar a dívida, mas alertou para a perda de receitas decorrentes da venda de ativos públicos no longo prazo, considerando que até agora as receitas "foram baixas".

No relatório 'Dealing with High Debt in a Era of Low Growth' ('Lidar com uma dívida elevada numa era de fraco crescimento'), hoje divulgado pelo FMI, os autores dão mesmo o exemplo de Portugal, cujas receitas das privatizações corresponderam a cerca de 16% do Produto Interno Bruto (PIB) entre 1996 e 2000.

No entanto, os analistas alertaram que "as perdas de receitas decorrentes da venda desses ativos têm de ser consideradas para estimar o impacto de longo prazo [das privatizações] nas finanças públicas", pelo que um plano de venda de ativos públicos "exige um planeamento cuidadoso e realista".