Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

FMI admite "falhanços notáveis" na Grécia

Lusa

  • 333

Washington, 05 jun (Lusa) -- O Fundo Monetário Internacional (FMI) reconheceu hoje que o primeiro plano de resgate da Grécia em 2010 se saldou por "falhanços notáveis", devido a previsões de crescimento demasiado otimistas e a desacordos internos na 'troika'.

"Houve fracassos notáveis. A confiança dos mercados não foi restabelecida (...) e a economia foi confrontada com uma recessão bem mais forte do que estava previsto", indicou o FMI.

A Grécia foi alvo de um segundo resgate na primavera de 2012.