Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

FMI: Acordo sobre cálculo contribuições de países membros "é urgente"

Lusa

  • 333

Washington, 02 ago (Lusa) - O conselho de administração do Fundo Monetário Internacional (FMI) considerou hoje "urgente" chegar a acordo sobre o cálculo das contribuições dos Estados Membros e sobre a determinação do seu peso e direitos de voto na instituição.

Adotada em 2010, a reforma da governança das participações do Fundo previa essencialmente rever a forma de calcular as contribuições (indexadas sobretudo ao Produto Interno Bruto e à abertura da economia) para dar maior espaço aos países emergentes.

Depois das primeiras discussões em março, o conselho de administração do FMI, que representa 188 Estados, referiu novamente este aspeto da reforma a 19 de julho sem, no entanto, chegar a um acordo, lê-se na nota do Fundo.