Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Financiamento chinês melhora custo e prazos da dívida da REN - Rui Cartaxo

Lusa

  • 333

Lisboa, 29 abr (Lusa) -- O presidente-executivo da REN, Rui Cartaxo, afirmou hoje que o contrato de financiamento assinado com o China Developement Bank, de 400 milhões de euros, dá um "contributo significativo" para a melhoria da estrutura da dívida da empresa.

Falando na cerimónia de assinatura do contrato para a primeira "tranche" do financiamento com o China Development Bank, Rui Cartaxo destacou que esta verba dá "um contributo significativo para que a REN -- Redes Energéticas Nacionais - melhore a estrutura da sua dívida, em especial, baixando o custo médio da dívida e alongando os prazos de financiamento".

Esta primeira "tranche" faz parte dos 1.000 milhões de euros acordados com o State Grid International Developement aquando da privatização da REN.