Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Finanças dizem que redução em 50% do número de contratados no Estado está em risco

Lusa

  • 333

Lisboa, 17 jun (Lusa) -- O Ministério das Finanças pediu aos serviços "particular atenção" para a redução de contratados no Estado, admitindo que a meta de 50% inscrita no Orçamento do Estado (OE) para 2013 possa, nesta altura, estar em causa.

Numa nota interna do Ministério das Finanças a que a agência Lusa teve acesso e que está a servir de base às reuniões com os sindicatos de hoje, o Governo admite que em matéria de pessoal, foi detetada "uma evolução da redução do número de trabalhadores que pode implicar o incumprimento das metas estabelecidas no artigo 59.º da LOE [Orçamento do Estado] para 2013".

"Tendo em vista a necessidade de concretização daquele objetivo e considerando os instrumentos agora disponibilizados, deve ser dada particular atenção por cada uma das tutelas à execução de medidas que visem o seu cumprimento", refere o Ministério de Vítor Gaspar.