Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Fim "prematuro" de políticas expansionistas pode comprometer retoma - Fed

Lusa

  • 333

Washington, 22 mai (Lusa) - O presidente da Reserva Federal norte-americana (Fed), Ben Bernanke, defendeu hoje que um ajustamento "prematuro" da política monetária expansionista nos Estados Unidos "poderia abrandar a recuperação económica".

"Um ajustamento prematuro da política monetária poderia levar a subidas das taxas de juro, mas também levaria a um risco substancial de abrandar ou finalizar a recuperação económica e causar uma maior queda da inflação", afirmou Ben Bernanke, perante do Comité Económico do Congresso norte-americano, em Washington.

Atualmente, a Fed injeta todos os meses 85 mil milhões de dólares em liquidez no circuito financeiro.