Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Fernando Gomes não se candidata ao Comité da UEFA, mas terá assento no órgão

Lusa

  • 333

Lisboa, 23 mai (Lusa) - Fernando Gomes, presidente da Federação Portuguesa de Futebol, retirou a sua candidatura ao Comité Executivo da UEFA, cuja eleição será feita em Londres, na sexta-feira, o que a FPF considera ser uma "solução de consenso".

O dirigente português foi hoje nomeado conselheiro especial para as relações com as outras confederações de futebol, o que lhe garante um assento nas reuniões do Comité Executivo, pelo que deixou cair a sua candidatura e assim permitir que haja oito candidatos apenas para oito lugares, explica a FPF, na sua página oficial.

"Esta decisão permitirá que haja oito candidatos para oito lugares (...) sem que haja fricções ou divisões desnecessárias entre as federações, estando assegurado que Portugal volta a estar representado ao mais alto nível da UEFA", pode ler-se na página federativa.