Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Férias: Hotelaria alerta para impacto da desertificação do interior sobre setor

Lusa

  • 333

Porto, 15 set (Lusa) -- A presidente executiva da Associação da Hotelaria de Portugal (AHP), Cristina Siza Vieira, alertou que os hotéis não podem ficar sozinhos no meio do interior, enquanto os serviços públicos são gradualmente encerrados.

Em declarações à Lusa, Cristina Siza Vieira disse que "quando se fala na desertificação do interior e fecham maternidades, escolas, tribunais e serviços públicos porque o Estado toma opções de racionalização de meios, não pode ficar o hotel sozinho a aguentar".

A dirigente da AHP acrescentou que, dada a conjuntura económica e financeira, se está a ponderar a possibilidade dentro do setor de estender a chamada 'época média', aproveitando as mudanças do clima, o que não impede, contudo, que janeiro e fevereiro sejam "complicados", em particular no sul do país.