Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Federações e atletas preocupados com ausência de contratos para alto rendimento

Lusa

  • 333

Porto, 19 abr (Lusa) -- As federações desportivas e os atletas estão preocupados com a demora na assinatura dos contratos programa para o alto rendimento e preparação olímpica para o Rio2016, defendendo a urgência da tutela na clarificação das regras.

"Não é uma queixa, mas preocupação grande por estarmos em fase avançada da época e não estarem definidas as condições dos contratos. Sabemos todos os condicionalismos do país, o processo eleitoral no Comité Olímpico de Portugal (COP) e as alterações governamentais na tutela do desporto, mas a verdade é que em maio grande parte dos atletas vão integrar os quadros competitivos internacionais sem saber com o que vão contar", sintetizou Mário Santos.

Em declarações à agência Lusa, o presidente da Federação Portuguesa de Canoagem, vice-presidente do COP e Chefe de Missão a Londres2012 e Rio2016 sintetiza a preocupação "generalizada" dos agentes da modalidade, considerando que a época internacional está "condicionada" pela indefinição das normas.